As Lendas e suas inspirações

834685

Existe uma forma de escrita chamada “Remix Literário”, onde li a respeito no blog Remix do Leonardo Villa-Forte.  São recortes de textos originais que se transformam em um outro texto. Uma recriação.  Uma mesma história contada sobre outro ponto de vista. Inspiração. Até que ponto uma história é original? Ao escrever alguma coisa, bebemos na fonte da nossa memória, formada por tudo aquilo que lemos, que ouvimos, que assistimos… Neste link também cita grandes autores que usaram essa forma de escrita.

No livro A Caverna de Cristal, de Mary Stewart, de 1970 com 477 páginas, temos a Lenda de Merlin em 4 páginas. Está no final do livro, porque conta TODA a história do livro. O que a autora fez foi “rechear” essa lenda com detalhes e transformar em livro. Em nota da própria autora, ela conta em que fonte buscou sua inspiração.

É mais uma história de cavaleiros e guerras e magos. E um leve romance. Um livro juvenil, mas com uma pegada de aventura e recomendável para os fãs das lendas de Arthur.

Quer resenha? Clique Aqui.

Anúncios

Um pensamento sobre “As Lendas e suas inspirações

  1. Pingback: Respondendo Tag Literária | PROJETOS NO PAPEL

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s