xeque-mate! =)

 

Gosta de xadrez? Eu também. (não jogo nada!) Mas leio livros e vejo filmes sobre o tema. A Máquina de Xadrez de Robert Löhr, com 403 páginas, conta pouco sobre o jogo e muito mais sobre as intrigas palacianas e como contar histórias já existentes. Este livro cuja capa é muito bonita (O Turco), conta a verdadeira história da máquina de jogar xadrez e é indicado pelo autor para que se conheça de onde ele tirou sua história.

Bem…aonde fica o plágio? Claro que em lugar nenhum. O autor é jornalista e usou personagens reais e fictícios para contar sua história de mistério que se passa no Séc. XVII. As primeiras cem páginas conta a história real muito famosa da invenção da máquina que joga xadrez e do mistério por trás da máquina. O autor aproveita pra apresentar os seus personagens e modificar um pouco a história. A partir daí tem mistério, ação, paixão e um final jornalístico dando conta do que pode ter acontecido com cada um. ” Fulano morre, beltrano se muda e ponto final”. =/

Não gostei do blurb na contra capa comparando o livro com Zafon e Patrick Süskind.  Quem viu isso no texto?

Mas é divertido. Quer resenha? Clique aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s