LEITURAS DE MAIO E JUNHO – FINALIZANDO.

Falando sobre os livros que finalizei este mes, alguns eu comecei a ler a algum tempo.

Por indicação de Tatiana Feltrin, eu li O Jogo da Amarelinha do Julio Cortázar. O livro realmente é muito bom e eu resolvi seguir a sugestão do autor e ler conforme as instruções: você começa no capítulo 73, depois os capítulos 1 e 2, depois vai para o capítulo 116 e assim por diante. O livro ficou cheio de post-it colorido! Não indico esse livro pra quem só lê best-seller da moda. O autor cita filósofos, cantores de jazz, e outros autores antigos, que essa geração nem ouviu falar. Além do que, algumas citações estão no vernáculo original. Quem ainda fala vernáculo? Só minha professora de Semiótica. Então, algumas frases estão na lingua em que o personagem fala, sem as traduções. São frases em inglês, francês e latim.

 Pra quem gosta de coisa boa, tá indicado! O livro me lembra um autor que gostava muito na adolescência: Johannes M. Simmell. Ele também gosta de filosofar “sobre o casal de amantes que passeiam sob a chuva fria, enquanto pensamentos ecoam em suas mentes”.

 

Acho que já li todos do Simmell.

Na minha época se estudava os clássicos: era obrigatório. Mas o bom é o equilíbrio, por isso eu gosto de ler de tudo um pouco.

Falando nisso, resolvi ler Meg Cabot – Insaciável. Não gostei da narrativa dessa vendedora de best-sellers. Me disseram que esse4 não era o melhor livro para eu começar, mas vou dar uma chance a autora e ler algum outro. Não vou dizer que a história não me prendeu, já que eu li 502 páginas em 3 dias! Leitura fácil – descartável. Não é uma história que te faz ficar pensando no personagem. A heroína é meio burrinha, pra ser delicada com ela. Não gosto de personagens femininas idiotas (do começo ao fim do livro), principalmente escritas por uma mulher. Não consegui me identicar com nenhum personagem.

 

Outro livro que comecei há muuito tempo, finalmente me obriguei a terminá-lo: A Luneta Âmbar do Phillip Pullman. Eu já havia lido A Bússula Dourada em e-book, por causa do filme que eu amei. Resolvi pular o segundo livro e vi que não fez muita falta na história, já que a “faca sutil” está presente do começo ao fim do terceiro livro. E ele relembra parte do que aconteceu na história anterior. Acho que o livro não deve ser chamado de infantil. A história é muito mórbida, fala muito de morte e de mortos, além de violência. Não indico para meus alunos abaixo dos 15. Outro comentário: o final não se parece com uma finalização, parece que tem mais um capítulo, aí você vira a página e…

 

Não sei se vou colocar esse autor na minha lista tão cedo.

As vezes um bom livro de autor, não significa que ele sempre será um bom escritor. É o caso de Maryan Keys. Adorei o livro Melancia, então vamos ler o outro! Cheio de Charme é fraco. Ela tentou separar as histórias por personagem, mas ficou meio lenta a história, cheia de partes inúteis. São 784 páginas que ficariam mais bem desenvolvidas em 300, no máximo.

A autora continua divertida, a personagem principal da a volta por cima das situações que se apresentam, então a leitura se torna… legal. Achei a tradução meio forçada: usar termos que só temos em algumas regiões do Brasil, pegou pesado.

Comecei a ler novamente A Sombra do Vento de Carlos Ruiz Zafon. Porque “ler novamente” e não “reler”? Porque eu havia lido uma versão em e-book, que depois descobri ser uma versão reduzida da história.  Então é como se estivesse recomeçado um livro que eu abandonei pela metade, ou que fiz como na leitura dinâmica, em que você só lê partes de cada página. Acho a história muito boa, muito bem escrita. Quem fez a capa, só leu a primeira página que fala de um pai caminhando com o filho sob a luz do lampião. Se tivesse lido mais algumas, ía descobrir a descrição da capa do livro “A sombra do Vento”, que se me lembro é cor de vinho com letras douradas. Fica a dica.

Adorei a frase: “Darwin era um sonhador: para cada um que raciocina, tenho que lidar com nove orangotangos.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s